Quinta, 05 Dezembro 2013 13:42

Cães são manipulados geneticamente para criação de “raça ideal”

Avalie este item
(0 votos)

A “Cava-poo-chon” é a mais recente descoberta na busca pelo design ideal de um cão que nunca perde a feição de filhote.

Cão não perde a feição de filhote. (Foto: Divulgação)

Cão não perde a feição de filhote. (Foto: Divulgação)

Esta última criação foi feita a partir do cruzamento de um cão da raça Cavallier King Charles Spaniel com a raça Bichon Frisé e um poodle micro. A raça final foi criada por Linda e Steve Rogers de Timshell Farm em Pine, Arizona, com a ajuda de um geneticista e uma veterinária reprodutiva.

Os Rogers dizem que a Cava-poo-chon combina o melhor das três raças. Os cães pesam de dez a 15 libras, em média, e que o casal oferece escolha de cor e dois tipos de pelagem – crespos ou muito crespos, disse ela.

De acordo com o casal, 58 famílias retornaram para obter uma segunda Cava-poo-chon, e 12 dos cães foram certificados para trabalhar em casas de repouso e hospitais como cães de terapia até o momento.

Os cães irão custar de R$ 4.000 a R$ 7.000.

A cava-poo-chon ainda não é reconhecida pelo American Kennel Club.

Fonte: ABC

Lido 1899 vezes