Sexta, 14 June 2013 05:06

Uma história de amor

Avalie este item
(0 votos)

Me chamo Sirlê e gostaria de contar aqui a história de amor entre eu e uma gatinha chamada Lanna.

Minha vizinha tem vários gatos, e um dia, ela achou na rua, uma gatinha mestiça de Persa da cor bege bem clarinha.

Quando eu a vi, me apaixonei na hora, mas já tinha um gato em casa e ela era da vizinha, afinal ela a tinha encontrado.

Porém, esse lindo anjinho passou a subir todas as noites em um murinho perto da janela da cozinha da minha casa, principalmente quando me via. E eu, penalizada, colocava um pouquinho de ração com a ajuda de uma pazinha em cima do muro mesmo para ela comer.

Nunca tivemos contato físico, mas ela não podia ouvir minha voz que subia correndo no muro e miava, miava.

Passado uns 3 anos, observei que ela estava muito mau tratada, comendo pouco, parecia me pedir ajuda. E aquilo estava me incomodando muito.

Até que em uma noite fria e com garoa, vi que ela estava babando, meio esquisita e com seus pelos com várias falhas, como se tivesse sido cortados com tesoura ou como se ela mesma tivesse arrancado.

Não pensei duas vezes, fui até a vizinha e pedi para que ela me deixasse cuidar da Lanna.

Então, a levei para casa, dei um banho e deu tempo de correr no veterinário.

Pensei em cuidar dela por um tempo, e depois achar um dono mais responsável...

Mas não resisti, a Lanna está comigo até hoje, um ano e meio depois, linda, carinhosa, forte, castrada, parece que já me conhecia há anos.

Hoje, amo muito meus 4 gatinhos... Isso mesmo. De um, que eu tinha no início, agora tenho quatro.

E a Lanna é meu anjinho querido, pois ela me escolheu e não desistiu até conseguir vir morar comigo, eu a agradeço muito por isso.

 

Sirlê Santana

 

Lido 4447 vezes