Sexta, 28 Fevereiro 2014 12:06

Estudo diz que vegetarianismo reduz a pressão e combate a hipertensão

Avalie este item
(0 votos)
(Foto: Divulgação)

(Foto: Divulgação)

Manter uma dieta vegetariana pode ajudar a baixar a pressão e combater a hipertensão. Foi o que apontou uma pesquisa realizada no Japão, com base em sete ensaios clínicos e 32 estudos publicados entre 1900 e 2013 com pessoas que seguissem dietas vegetarianas.

A pressão arterial é medida verificando duas leituras: sistólica, a pressão no interior das artérias medida quando o coração está forçando o sangue através delas; e diastólica, quando o coração relaxa. Na experiência, os participantes que mantiveram a dieta vegetariana tiveram pressão arterial sistólica quase 5 mmHg inferiores aos de adeptos de carne e peixe.

Para a pressão arterial diastólica, os vegetarianos mostraram diferenças de 2.2 mmHg até quase 5 mmHg a menos, em comparação com comedores de carne. A redução poderia impactar em 7% da mortalidade de todas as doenças, 9% por doenças coronárias e 14% das mortes por acidente vascular.

“Mais estudos são necessários para esclarecer quais os tipos de dietas vegetarianas são mais fortemente associados com menor pressão arterial”, informou o texto da pesquisa.

Em 2010 o Conselho Oficial do Departamento de Saúde informou que cortar a carne vermelha do cardápio ajuda a reduzir o risco de câncer de intestino. Uma pesquisa britânica feita com 45 mil pessoas em 2013 revelou que as chances de um vegetariano precisar de algum tratamento hospitalar por doença cardíaca ou morrer dela é um terço menor comparado com quem come carne.

Fonte: Novo Hamburgo

Lido 2384 vezes